Folha de Pagamentos de Empregado Doméstico, deixem por conta da gente!

O que é?

Serviço de cálculo de folha de pagamento de empregados domésticos. Hoje a rotina é muito trabalhosa e complicada para a maioria das pessoas, e elas não tem tempo...

A quem se destina?

Todas as pessoas físicas, que possuem empregados domésticos como: faxineiras, arrumadeiras, babás, motoristas, cuidadores, etc;

No site do e-social, é necessário cumprir o roteiro e processos abaixo:

Adiantamento do 13º salário?

No próximo mês, até dia 30 de novembro, é obrigatório o pagamento da primeira parcela do 13º salário.

Recebemos muitas dúvidas sobre como pagar o adiantamento, sobre a possibilidade de o pagamento ser feito em parcela única e sobre a forma e a data do pagamento da guia DAE do eSocial com o adiantamento.

1 – Qual é o prazo para pagamento?
A primeira parcela do 13º salário deverá ser depositada entre fevereiro e novembro (até o dia 30) ou, se o empregador quiser, por ocasião de suas férias.
A segunda metade deve ser paga ao empregado até o dia 20 de dezembro.

2 – Em quantas vezes pode ser feito o pagamento?
O pagamento do 13º salário pode ser dividido em duas parcelas, sendo que a primeira deverá ser paga entre os meses de fevereiro e novembro, e a segunda, até o dia 20 de dezembro.
Primeira parcela (até 30 de novembro) – 50% do salário.
Segunda parcela (até 20 de dezembro) – Saldo da remuneração, menos o valor pago na primeira parcela, menos os descontos incidentes (INSS e IR, quando devido).

3 – 13º salário pode ser pago de uma vez?
Cabe ao empregador a decisão de pagar em uma ou duas parcelas.
Se a opção for por uma única vez, o pagamento deve ser feito até o dia 30 de novembro.

4 – Empregados com menos de um ano recebem o 13º salário?
Os empregados domésticos que possuem menos de um ano no mesmo trabalho, também têm direito ao 13º.
Nesse caso, o pagamento será proporcional aos meses em que tenham trabalhado por mais de 15 dias.
Por exemplo;
Um empregado que trabalhou por seis meses e 15 dias deverá receber 7/12 de seu salário no 13º.

5 – O empregado pode pedir adiantamento do 13º salário nas férias?
É obrigatório o pagamento do adiantamento do 13º salário (primeira parcela) nas férias sempre que o empregado solicitar esse direito no mês de janeiro do ano correspondente.
O adiantamento só será possível quando o período de gozo das férias ocorrer entre os meses de fevereiro e novembro, não sendo devido se for em janeiro ou dezembro.

6 – Horas extras incidem no 13º salário?
As horas extras geram reflexos no 13º salário e devem incidir na base de cálculo dessas verbas.

7 – Como é feito o pagamento do 13º salário em relação às faltas?
As faltas não justificadas pelo empregado, ocorridas entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de cada ano, serão consideradas para desconto de 1/12 do 13º salário.
Sempre que as faltas forem superiores a 15 dias dentro do mesmo mês, o empregado doméstico perderá o direito a 1/12 do 13º salário.
Nos meses com 31 , 30 e 28 dias, se o empregado faltar injustificadamente 17, 16 e 14 dias respectivamente, não fará jus ao 13º salário no referido mês.
As faltas justificadas não influenciarão no pagamento do 13º salário.

8 – Se o empregado estiver recebendo auxílio-doença, ele tem direito ao 13º salário?
Para o empregado afastado por motivo de auxílio-doença por mais de 15 dias em um determinado mês, a responsabilidade do pagamento fica a cargo do INSS.

9 – O pagamento do 13º salário deve ser feito se a empregada estiver em licença-maternidade?
A empregada afastada por licença-maternidade (4 meses ou 4/12 avos), perde o direito aos avos dos meses em que ficou ausente, visto que o INSS já pagou por esses meses o salário e os avos do 13º salário.
Os meses em que a empregada doméstica estiver em licença-maternidade devem ser descontados do valor do 13º salário pago pelo empregador. Os meses de afastamento são pagos pelo INSS, no pagamento chamado de abono total.

Entre em contato com nossos consultores e tire suas dúvidas: